Veja os prós e contras de investir em tráfego pago em busca de cliques para a página do seu negócio.

Compreenda as vantagens e desvantagens de um tráfego pago para seu negócio.
Conheças as vantagens e desvantagens de investir em tráfego pago. | Foto: Reprodução.

O desejo de todo novo negócio é se tornar conhecido e, para isso, existe uma série de estratégias de marketing digital para impulsionar a marca de um negócio. Na busca por resultados rápidos, é comum ver empresas recorrerem ao tráfego pago, que consiste na utilização de anúncios na Internet para atrair e converter novos clientes. Como o próprio nome indica, é preciso tirar do bolso para que as pessoas cheguem até a sua página. 

Observe que, ao pesquisar algum serviço na Internet, sempre há sites que se destacam na primeira página, ocupando o topo das buscas. Isso ocorre porque aquelas empresas estão pagando para aparecer entre as primeiras opções de resultado para você sobre aquele assunto pesquisado. Esse é um exemplo de tráfego pago.

A principal vantagem do tráfego pago é, justamente, a obtenção de resultados imediatos. Basta escolher alguma das ferramentas disponíveis no mercado, criar uma conta, configurar o seu anúncio, fazer o orçamento e, logo em seguida, a marca será veiculada para o público definido. Google Ads, Facebook e Instagram Ads, Taboola e Outbrain são exemplos de algumas das mais conhecidas plataformas de tráfego pago.

Outra vantagem dessa modalidade de anúncio é o potencial de segmentação. A maioria das ferramentas oferece a possibilidade de segmentar por palavras-chave, informações demográficas, ocupação, interesses, canais de mídia, entre outros.

Mas para que a sua campanha alcance, de fato, o sucesso, é preciso compreender muito bem quais são os interesses do seu negócio e a quem ele pretende atingir.

Desvantagens

Nem tudo são flores e o tráfego pago também tem suas desvantagens. A principal delas é que, ao longo do tempo, o investimento costuma encarecer, e o anunciante precisa tirar mais dinheiro do bolso. Além disso, caso a fonte de investimento dos anúncios pagos seja comprometida por alguma razão, automaticamente os resultados também vão por água abaixo. É aquilo: sem dinheiro, sem tráfego.

Tráfego pago X tráfego orgânico

Uma alternativa para o tráfego pago, que exige investimento financeiro, é o tráfego orgânico. Essa modalidade está relacionada à produção de conteúdo. É preciso dedicar tempo e saber aplicar de forma adequada técnicas que facilitem o encontro das pessoas com a página do seu negócio. Alcançar os primeiros resultados de busca de forma orgânica, além de um bom investimento, pode conferir mais credibilidade à empresa. Mas saiba que os resultados não surgem do dia para a noite. O tráfego orgânico exige paciência, pois trata-se de um investimento com retornos a médio e longo prazo.

O ideal é equilibrar as duas estratégias, aliando conteúdos de qualidade com o potencial de alcance dos anúncios pagos.